Óscares 2021: quem são os nomeados?


Óscares 2021
Óscares 2021

O tiro de partida para a cerimónia de entrega dos Óscares 2021 já foi dado com o anúncio dos nomeados à tão cobiçada estatueta dourada.

Entre surpresas e favoritos mais ou menos esperados, os nomeados aos Óscares deste ano foram conhecidos no passado dia 15 de março através de uma transmissão global em direto via redes sociais a partir da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas e conduzida virtualmente à distância de Londres onde o casal de apresentadores por Nick Jonas e Priyanka Chopra residem atualmente.

Tudo devido à pandemia, pandemia que já tinha obrigado ao adiamento da cerimónia de entrega dos Óscares 2021 de 28 de fevereiro para o dia 25 de abril e que será responsável por dividir a entrega dos prémios mais aguardados da indústria cinematográfica por dois locais: a Union Station, a principal estação ferroviária de Los Angeles, que permite a segurança e distância entre nomeados, estrelas e público, e o tradicional Dolby Theatre.

“Mank”  e “Nomadland” lideram lista das nomeações

Como referimos anteriormente, o anúncio dos nomeados foi marcado por algumas surpresas e pela confirmação da presença, entre os eleitos, de um par de filmes que tem feito paragonas e liderado as listas das casas de apostas.

Falamos, em particular, de “Mank” e “Nomadland”. O primeiro, filme de David Fincher, lidera mesmo a tabela com dez nomeações enquanto “Nomadland” de Chloé Zhao se fica pelas seis.

Contudo, se olharmos ao que aconteceu na última cerimónia de entrega dos “Globos de Ouro”, a obra de Zhao saiu claramente por cima tendo arrebatado os galardões para “Melhor Filme”, “Melhor Realizadora” e “Melhor Ator” contra os zero do filme de Fincher.

Para além destes dois filmes e do favoritismo que dividem, a lista de nomeados aos Óscares deixa a porta aberta a que peliculas como “Sound of Metal”, “Minari”, “O Pai” ou “Judas and the Black Messiah”, todos com seis nomeações, possam dar um ar da sua graça e saírem de Los Angeles com uma estatueta “surpresa”, à semelhança de “Parasitas” no ano passado.

A fechar a lista, encontram-se os menos badalados “Uma Miúda com Potencial” e “Os 7 de Chicago”. A relação entre filmes e óscares não fica completa sem uma análise da lista de realizadores.

O guião dos nomeados e do seu maior ou menor favoritismo segue, como tem acontecido nas últimas edições dos Óscares, o exemplo dos filmes: Fincher e Zhao saem da pole position deixando atrás de si Lee Isaac Chung (“Minari”), Emerald Fennell (“Uma Miúda com Potencial”) e a “surpresa” Thomas Vinterberg (“Mais uma Rodada”).

Deixando a categoria de filmes e concentrando-nos nos nomeados nas categorias de “Melhor Atriz” e “Melhor Ator”, a lista não apresenta grandes surpresas com Viola Davis (“Ma Rainey: A Mãe do Blues”) e Frances McDormand (“Nomadland”) a repartirem o favoritismo do lado feminino e Riz Ahmed (“Sound of Metal”), primeiro muçulmano nomeado para a categoria, Steven Yeun (“Minari”), primeiro norte-americano de origem coreana e Anthony Hopkins (“O Pai”), mais velho ator nomeado de sempre, a merecerem menção do lado masculino.

Fique agora com a lista completa dos nomeados aos Óscares 2021.

Lista completa dos nomeados aos óscares 2021